08 de novembro de 2017

Guia Aracaju | La Vecchia Restaurante e Pizzaria

Em Ará

Toda vez que alguém me pergunta sobre um restaurante intimista, aconchegante, onde se possa comer bem e ter aquele jantar especial em Aracaju, indico o La Vecchia.

Além de ser um restaurante de culinária italiana (que é a minha favorita), tem um atendimento impecável e uma decoração muito original, o que considero muito acolhedor, sabe?

La Vecchia - restaurante em aracaju

A primeira vez que fui ao restaurante foi lá em 2010, para comer pizza com alguns colegas de trabalho. Fiquei tão maravilhada com a massa fininha e o recheio absurdamente leve que, ao longo dos anos, voltei para experimentar outros pratos com amigos, namorado e alguns familiares. Cada experiência melhor que a outra! ♥

La Vecchia - restaurante em aracaju

Semana passada, voltei ao La Vecchia a convite da chef Roberta Nascimento para experimentar algumas especialidades da casa.

Logo de entrada, uma prato criado por ela: a bruschetta di Zuccini i Parigi ao perfume de limão siciliano (R$ 37).

la vecchia - bruschetta de limão siciliano

Traduzindo: bruschetta de abobrinha e cogumelos temperados com limão siciliano hahahaha

Particularmente, gosto muito de pratos que levam limão siciliano! Muito! E com essa bruschetta não foi diferente. Achei leve, saborosa, ideal para “petiscar” antes do prato principal sem perder a fome, sabe? Tão leve que acabei experimentando também a de mozzarella e tomate seco (R$ 36). Deliciosa, por sinal!

la vecchia - bruschetta tomate seco

Para o prato principal, escolhi a sugestão da chef: Gamberi alla salsa di pomodoro, um fettuccine  DELICIOSO ao molho pomodoro com camarões e tomates salteados, mais conhecido como “Prato da Boa Lembrança” (R$ 91), acompanhado por um bom vinho.

la vecchia - prato da boa lembrança

Esse nome  foi dado pela Associação Brasileira dos Restaurantes da Boa Lembrança, que sugere aos melhores restaurantes do país (o La Vecchia foi eleito o melhor do estado) a criação de um prato a ser servido numa cerâmica criada pela associação, que é levada para casa pelo cliente! ♥

Achei o nome muito sugestivo, até porque o prato é tão saboroso que fica difícil mesmo esquecer, viu?!

Como sobremesa, escolhi a “Chocotorta” (R$ 26) , uma torta de chocolate com crocante de castanha e amendoim, leite condensado e ganache de chocolate.

la vecchia - chocotorta

contei por aqui que não sou tão apaixonada por chocolate (só gosto do meio amargo) nem sou tão fã de sobremesa, mas posso dizer – em medo de errar – que essa foi a MELHOR torta que já comi na vida! ♥ Doce sem ser enjoativa, saborosa MESMO! Provem sem medo de ser feliz!

É bom quando a gente fica satisfeita com tudo o que escolheu para um jantar, né? Além de saciar a fome, dá aquela sensação de “Puxa, que dia especial!” ♥ E é engraçado que senti isso todas as vezes que fui ao restaurante.

Por falar em ocasião especial, o La Vecchia tem um cantinho reservado e super charmoso para os casais apaixonados (disputadíssimo no dia dos namorados rs).

la vecchia - cantinho do amor

Recomendo mesmo a reserva, viu? ♥

 

Gosto dessas “frescurinhas” nos detalhes, sabe? Da sensação de afeto e de uma comida preparada com amor.

Obviamente, não é o tipo de restaurante ao qual se vai toda semana (não os meros mortais kkk), mas é o que vale muito a pena para comemorar uma data especial.

La Vecchia

Endereço: Rua Guilhermino Rezende, 346, Salgado Filho
Telefone: 3214-6070

Jéssica Vieira
Jéssica Vieira
16 de setembro de 2017

Guia Aracaju | Restaurante Oliva Bartrô

Em Ará

Já fazia um tempinho que queria conhecer o Oliva Bartrô, um restaurante aqui de Aracaju elogiado pelo ambiente super charmosinho e pelo cardápio diversificado, que oferece, além do menu a la carte, a opção de um menu executivo, servido de terças às sextas a partir das 12h.

Mas como toda inauguração de restaurante é uma modinha aqui na cidade, deixei o fuzuê (e a enxurrada de stories) passar e, quase um ano e meio depois, fui conhecer o local.

oliva bartrô - fachada - deixemecontar

Fachada do Oliva Bartrô

Achei a fachada  super clean e totalmente condizente com o nome do restaurante. Pra se chamar Oliva, tinha que ter muito verde e passar essa ideia de um lugar aconchegante, né, gente? ♥

Ao empurrarmos a portinha de vidro, temos a seguinte vista:

oliva bartrô - interno - deixemecontar

Vista da entrada – Oliva Bartrô

Acho muito bonitinha a ideia de cadeiras coloridas, sabe? Deixa o ambiente mais leve e passa a ideia de descontração. Elegante sem frescuras, eu diria :)

Como queria experimentar o menu executivo – que é coisa rara nos restaurantes da cidade -, perguntei ao garçom quais os pratos disponíveis e como funcionava o serviço.

oliva bartrô - menu executivo - deixemecontar

Menu executivo do Oliva Bartrô

São duas opções de pratos principais pelo valor de R$ 34,90. Sinceramente? Achei que poderia ter uma opção a mais. Cardápios executivos, de fato, são – e precisam ser – bem restritos, mas duas opções é muito pouco, principalmente se observarmos que são duas opções com carnes brancas… (Sant Pitter é Tilápia).

Minha escolha, então, foi o Sant Pitter grelhado com molho de limone, servido com arroz com brócolis e salada, acompanhado por suco de tangerina.

oliva bartrô - prato principal - deixemecontar

Achei o prato bem bonito

Além de bem dispostos (já contei aqui que rola todo um sacrifício para que eu consiga almoçar, né?), a tilápia, o arroz e a salada estavam muito bons, de verdade! Inclusive, na salada, havia lasquinhas de beterraba, que eu odeeeeeeio, mas comi. Sabem como é… estavam misturadas com manga, alface, cenoura… acabei sendo coagida… hahaha

O suco estava maravilhoso! Amo tangerina, mas nunca havia experimentado o suco. Recomendo muito.

De sobremesa, o garçom sugeriu o Bendito Brownie Gateau (brownie cremoso de chocolate acompanhado de sorvete de leite Ninho) e resolvi experimentar.

oliva bartrô - sobremesa - deixemecontar

Sou muito suspeita para falar porque AMO Leite Ninho, mas a sobremesa como um todo estava realmente saborosa. Geralmente, acho brownies muito doces e evito comê-los, mas esse estava na medida certa. Nada de enjoativo.

O almoço completo (menu executivo + suco + sobremesa + taxa de serviço) custou R$ 65,67. Nada fora do padrão “almoço em restaurante” na capital sergipana.

Oliva Bartrô – cardápio a la carte

Embora não tenha pedido prato principal a la carte, fotografei todo o cardápio do restaurante – montado pelo chef César Soutello – para que vocês pudessem conferir todas as opções e valores, tá?

oliva bartrô - cardápio 1

Estou muito de olho neste Camarão Beijupirá <3

oliva bartrô - cardápio 2

Os pratos principais variam entre R$ 48,90 (peito de frango) e R$ 79,90 (bacalhau) e, pelo que vi por lá, são muito bem servidos. Obviamente, não é barato nem é uma opção para almoçar/jantar todo santo dia, mas acho que vale para uma data especial.

Por falar em data especial, é bom ficar atento ao fato de que o espaço do restaurante é pequeno. Assim, em datas comemorativas, é bom reservar uma mesa com antecedência, ok?

Outro ponto que achei super positivo – e não posso deixar em branco – é o atendimento dos garçons. Todos muito cordiais e atentos às solicitações dos clientes.

E você, já foi ao Oliva Bartrô? O que achou? Conte aqui nos comentários a sua experiência!

Oliva Bartrô

Endereço: Rua Celso Oliva, 475, 13 de Julho
Telefone: (79) 3024-6561

* Este post não é um publieditorial e foi escrito por livre e espontânea vontade da autora do blog.

* Conheça outros restaurantes que adoro clicando aqui.

Jéssica Vieira
Jéssica Vieira
20 de Janeiro de 2017

Guia Aracaju | Art in coffee – Torrefação de cafés especiais

Em Ará

Embora eu não seja uma entendedora de cafés (na verdade, gosto mais do cheiro que do gosto em si), um dos meus lugares favoritos na cidade para bater aquele papo gostoso e apreciar um atendimento de qualidade é o Art in coffee.

art in coffee (10)

Charmoso da fachada ao ambiente interno, o Art in coffee oferece um grande diferencial aos amantes de café. Além de escolher o tipo do grão que quer, o cliente pode ver a torrefação e a moagem do próprio grão no estabelecimento! Um café fresco e quentinho de verdade. ♥

Recentemente, estive lá para acompanhar Marcilio no o menu degustação, onde são oferecidos três tipos de café – cada um com um grão diferente – e uns queijinhos delícia de acompanhamento.

art in coffee (1)

Cafés para o menu degustação

art in coffee (6)

A foto acima já diz muita coisa. Antes da degustação, todas as taças são “banhadas” com água fervente e todos os grãos dos cafés escolhidos são devidamente pesados numa balança de precisão (que eu, claro, não conhecia hahaha). Depois, esses grãos são moídos para, só então, o pó ser colocado no coador – neste caso, o Hario V08 – com filtro de papel, que receberá água quente e, finalmente, o café ser degustado.

Ufa! Se você é inexperiente no assunto como eu, saiba que há toda uma logística para tomar café, viu?! Não é só esquentar água e colocar o pozinho não… hahaha

Provei todos os três cafés e achei a experiência fantástica! O cheirinho então nem se fala. É de aquecer mesmo o coração. ♥

Além do menu degustação, que acontece todos os dias até as 16h, o Art in coffee tem um cardápio recheado de opções de cafés quentes e gelados. Além disso, conta com salgados e doces igualmente deliciosos. Experimentei por duas vezes o quiche de parmesão e achei fantástico, sério. Vale muito a pena.

art in coffee (8)

E quando digo que o lugar é um verdadeiro charme, não estou exagerando. Reparem na fachada e nos detalhes. Tem uma cafeteira italiana que serve de cachepô, gente!

art in coffee - webgabriel

Foto: Art in coffee

Ah, o Art in coffee vende café (moído e em grãos) em pacotinhos para você fazer o seu próprio café em casa! E o mais fofo: o estabelecimento é pet friendly! Sim, você pode levar o seu bichinho de estimação para te fazer companhia num café. ♥

art in coffee (12)

Art in coffee
Rua Edson Ribeiro, 350, Salgado Filho (esquina com a Sílvio César Leite)
segunda a sábado, das 14h às 20h

Jéssica Vieira
Jéssica Vieira